Friday, October 19, 2018

A gaiola

Há mágoas que teimam em agarrar-se a nós, por mais que o intelecto as classifique como irrelevantes. No meu caso, são pequenos acontecimentos tão carregados de emoções que, quando menos espero, saltam do esquecimento e pedem atenção. E turva-se a vista com a dor no peito. E sente-se a garganta em nó, que parece mal chorar.

Estou sentada no cimo da estrada, no banco com a melhor vista da aldeia. Contemplo os montes a clarear pelo horizonte e sinto aquele frio típico do Outono, que não magoa mas já pede o aconchego de um casaco. Mesmo sem o cheiro das estevas, levadas pelos incêndios, há ali uma vida a pulsar. Se ao menos tivesse uma pequena parcela daquele poder de regeneração da natureza…

Um raio de sol rompe uma camada espessa de nuvens e, imediatamente, vens-me à lembrança. Sonho tantas vezes contigo, meu querido pássaro. Não fui eu que te tirei à força do ninho, mas por esse dia hei de carregar sempre esta imensa culpa. 

Ao longe, um melro, fura o foco de luz que, logo depois, se apaga.

Sorrio. Um dia, hás-de ser tu a receber-me no teu colo.

Texto criado a partir desta foto (Lina Bm)

Friday, October 12, 2018

White Ravens 2018 - Planeta Tangerina

O livro "A Bola Amarela" foi escolhido para integrar o Catálogo White Ravens 2018. O comité de seleção destacou a originalidade, inteligência e humor destas páginas, por onde correm Luísa e Luís, atrás de uma bola que os faz saltitar de página em página.

Anualmente, a International Youth Library seleciona os 200 melhores livros infanto-juvenis publicados no ano anterior e compila-os no catálogo White Ravens. A lista completa pode ser consultada online.

Este é o sexto título do Planeta Tangerina a ser integrado no catálogo, juntando-se a “Mary John” (2017), “Supergigante” (2015), “Finalmente o Verão” (2015), "Irmão Lobo" (2014) e “A manta, Uma história aos quadradinhos” (2012).


Wednesday, October 10, 2018

Matilda / Roald Dahl ; il. Quentin Blake

Sinopse:

Matilda is a genius. Unfortunately, her family treats her like a dolt. Her crooked car-salesman father and loud, bingo-obsessed mother think Matilda's only talent is as a scapegoat for everything that goes wrong in their miserable lives. But it's not long before the sweet and sensitive child decides to fight back. Faced with practical jokes of sheer brilliance, her parents don't stand a chance.

Opinião:

No dia 1 de Outubro fiquei a saber que este livro tinha sido publicado há precisamente 30 anos. Curiosamente, nesse mesmo dia, entrei na livraria Gatafunho e, ao passar os olhos pelas estantes, saltou-me à vista um exemplar em língua inglesa. Não deixei passar a oportunidade.

É impossível não amar esta personagem que, para além de dotada de extraordinária inteligência, tem tanto de doçura como de engenho! A Matilda é um verdadeiro diamante nascido no seio de uma família de gente tacanha, bronca e sem qualquer noção de parentalidade. E é incrível como se desenvolve de forma tão saudável num ambiente altamente inóspito… Uma verdadeira inspiração!

Os mais pequenos vão apreciar sobretudo as partidas que faz ao pai (hilariantes e bem merecidas!) e as maldades infligidas pela directora da escola aos desgraçados dos alunos.

Eu gostei especialmente da importância que é dada à biblioteca pública, que teve um papel decisivo na vida da nossa heroína.

Na edição comemorativa dos 30 anos, a editora Puffin pediu ao ilustrador Quentin Blake que imaginasse como seria a Matilda na casa dos 30. Por motivos óbvios, agrada-me a Matilda enquanto bibliotecária responsável pela British Library. Mas não deixem de ver as restantes possibilidades aqui.

O livro está publicado em Portugal pela Oficina do Livro. Recomendo!

Matilda at 30, reimagined as chief librarian of the British Library by Quentin Blake.

Tuesday, October 9, 2018

Lançamento do livro


Relembro que há também uma sessão de teatro às 16h30! Se tudo correr bem, lá estarei  para ver a peça e autografar o meu "Impossível".

Já agora, podem clicar aqui para ficarem a conhecer a programação do Teatro LU.CA até Dezembro de 2018.

Wednesday, October 3, 2018

Prémio Gran Junceda | Prémio Junceda - Livro infantil de ficção


O álbum A CIDADE DOS ANIMAIS, de Joan Negrescolor, foi DUPLAMENTE PREMIADO na cerimónia dos PRÉMIOS JUNCEDA 2018, em Barcelona. Atribuídos pela Associação Profissional de Ilustradores da Catalunha (APIC), os prémio Junceda são constituídos por diversas categorias que distinguem o trabalho de ilustração de artistas da Catalunha. 

PRÉMIO GRAN JUNCEDA
PRÉMIO JUNCEDA | LIVRO INFANTIL DE FICÇÃO

Eis as palavras do júri:

"A CIDADE DOS ANIMAIS mistura um grafismo ousado com uma narrativa cativante e uma gama de cores impactante com uma composição atmosférica, na qual as personagens aparecem e desaparecem, deixando sempre o seu traço. 
Joan Negrescolor constrói um discurso conceptual e formal coerente nos seus projectos, construindo um imaginário de enorme riqueza e carregado de valores." 

Seleccionado pela Society of Illustrators 2018, A CIDADE DOS ANIMAIS recebeu o PRÉMIO GOLDEN PINWHEEL na Feira do Livro de Xangai em 2017 e integra a prestigiada SELECÇÃO INTERNACIONAL WHITE RAVENS. 

Publicado originalmente pela Orfeu Negro, este é o primeiro livro escrito e ilustrado por Joan Negrescolor. E, em breve, mais livros virão!

Ver mais sobre o livro aqui.

Tuesday, October 2, 2018

Novidade Bruaá

Supõe…
Alastair Reid; il JooHee Yoon

Sinopse:

Um livro singularmente divertido, de um escritor singular, onde cada página começa com a palavra “Supõe”, enviando-nos para uma série de cenários plenos de impossibilidade e disparate.

The Tales of Beedle the Bard / J. K. Rowling; il. Chris Riddle


The Tales of Beedle the Bard, Illustrated Edition By J.K. Rowling; il. by Chris Riddell

Published: 02-10-2018
Format: Hardback
ISBN: 9781408898673
Imprint: Bloomsbury Children's Books
RRP         £25.00


Sinopse:

A spectacular full-colour illustrated edition of J.K. Rowling’s fairytale classic The Tales of Beedle the Bard, with breathtaking illustrations by all-round genius and national treasure Chris Riddell

The dazzlingly brilliant Chris Riddell brings his magical illustration talents to J.K. Rowling’s gloriously inventive The Tales of Beedle the Bard in a fully illustrated colour edition of this essential classic for Harry Potter fans. Translated from the runes by Hermione Granger, the volume includes ‘The Tale of the Three Brothers’, familiar to readers of Harry Potter from the crucial role it played in Harry Potter and the Deathly Hallows. 

Mischievous and witty, these five rollicking tales are a deeply satisfying read in the tradition of all great fables and fairytales. Kindnesses are rewarded and selfishness shown to be the ruin of many a wizard. Burping cauldrons, hairy hearts and cackling stumps are met along the way. Each of the tales is accompanied by a deliciously subversive and insightful commentary by Professor Albus Dumbledore, all brought vividly to life with Riddell’s trademark wit and elegance.

Former Waterstones Children’s Laureate Chris Riddell is the only illustrator to have won the Kate Greenaway Medal three times, and is brought together here for the first time with one of the world’s best loved storytellers in this new edition of J.K. Rowling’s fairytale classic. 

Much loved by generations of witches and wizards since they first appeared in the fifteenth century, this beautifully illustrated edition is set to become a firm favourite at bedtime in non-magical households the world over. 

The Tales of Beedle the Bard is published in aid of Lumos, an international children’s charity founded in 2005 by J.K. Rowling.






Huuummm... confesso que tenho algumas dúvidas relativamente à ilustração que, à primeira vista, não me agrada nada.

Aposto que não tardará muito até ser publicado em Portugal, mas para quem não quiser esperar, fica aqui a sugestão!

Thursday, September 27, 2018

Novidade Orfeu Negro

Aqui estamos nós!
de Oliver Jeffers

Bem-vindos ao planeta terra!

O mundo pode parecer muito confuso, sobretudo se acabámos de aqui chegar. Para melhor compreendê-lo, vamos explorar o nosso planeta e ver como vivemos. 
Estes apontamentos são um guia para essa viagem...

Escrito por Oliver Jeffers nos dois primeiros meses de vida do seu filho, e procurando explicar-lhe as várias coisas que achava que ele precisava de saber, este é um livro vivo e afectivo sobre o modo como o planeta e os seres humanos devem ser amados e respeitados. Porque não estamos sozinhos e este planeta é para todos.

Melhor Livro 2017 | Revista TIME
Melhor Design de Livro Ilustrado para Crianças | Design Book Awards 2018

O meu pé de laranja lima / José Mauro de Vasconcelos

Sinopse:

Esta é a história comovente de Zezé, um menino de seis anos nascido no seio de uma família muito pobre. Zezé é inteligente, sensível e criativo, mas muito endiabrado. Carente do afeto que não encontra junto do pai e da mãe, mais preocupados em sobreviver a cada dia, o menino perde-se nas ruas, onde só lhe dá para inventar travessuras.

Tendo aprendido demasiado cedo a dor e a tristeza, Zezé acaba por usar o mundo da sua imaginação para fugir da realidade da vida: toma por confidente um pé de laranja lima, a que chama Xururuca e ao qual revela os seus sonhos e desejos. Será nesta fantasia que Zezé vai encontrar a alegria de viver e a força para vencer as suas adversidades.

O Meu Pé de Laranja Lima é a obra maior de José Mauro de Vasconcelos, um dos grandes nomes da literatura brasileira. Um livro que urge descobrir, ou reencontrar, e que é aclamado como um dos mais importantes livros juvenis em língua portuguesa.

Opinião:

Esta é a primeira publicação de um desafio que coloquei a mim própria este ano: ler os clássicos da literatura infanto-juvenil. Foi um começo ternurento mas também muito amargo... chorei imenso nos últimos capítulos!

Tenho uma vaga ideia de ter visto a adaptação desta obra numa novela ou série brasileira, mas não me lembrava de nada. Até às primeiras cento e poucas páginas, pensei "não está a convencer-me", mas felizmente, não abandonei a tarefa, porque este é daqueles livros que presenteiam quem não desiste da sua leitura. De repente, dei por mim super afeiçoada ao Zezé, uma criança cheia de inteligência, sensibilidade e imaginação, nascida no seio de uma família pobre, onde a dureza da vida não dá lugar aos afectos. Ri-me com as suas diabruras, senti admiração pelo seu engenho e imensa compaixão perante a sua condição miserável. Fiquei apaixonada pela amizade que surgiu entre ele e o "portuga" e ia morrendo de desgosto com o final... Que vontade de abraçar e dar conforto àquele "pirralho"... Ninguém deveria conhecer tão cedo as agruras da vida.

O livro é autobiográfico, e embora a escrita seja simples, a sua carga emocional é enorme, conferindo-lhe imenso valor.  José Mauro de Vasconcelos contava que não queria ser escritor, mas foi obrigado a sê-lo porque tinha que colocar para fora  as suas emoções, as suas experiências de vida. Um exercício muito bem conseguido!

Passagem favorita:

Não podia deixar de pensar nele. Agora sabia mesmo o que era a dor. Dor não era apanhar de desmaiar. Não era cortar o pé com caco de vidro e levar pontos na farmácia. Dor era aquilo, que doía o coração todinho, que a gente tinha que morrer com ela, sem poder contar para ninguém o segredo. Dor que dava desânimo nos braços, na cabeça, até na vontade de virar a cabeça no travesseiro.

Recomendo!

PNL 3º ciclo



Wednesday, September 26, 2018

Novidade Presença

O Mistério do Talismã Mágico

por John Bellairs (Autor)

Lewis está convencido de que uma velha moeda, que pertenceu ao seu bisavô Barnavelt, é na realidade um talismã mágico. Lewis acredita que com os seus poderes poderia fazer tudo o que quisesse - como ser o rapaz mais valente da escola e vingar-se do rufião Woody Mingo. 

No entanto, assim que passa a usar a moeda ao pescoço como um amuleto, coisas estranhas começam a acontecer. Cartas misteriosas chegam na calada da noite. Uma figura sombria parece segui-lo. E quando Lewis finalmente consegue vingar-se de Woody, sente que outra pessoa o está a impelir a ir ainda mais longe. Será que Lewis despertou uma força que nem ele consegue controlar?

O Mistério do Talismã Mágico é o segundo volume das aventuras de Lewis Barnavelt, série bestseller do The New York Times, iniciadas com O Mistério da Casa do Relógio.


Relançamento Presença

O Mistério da Casa do Relógio

por John Bellairs (Autor)

Depois de ter ficado órfão de pai e mãe, Lewis passou a viver com o seu tio Jonathan. A casa do tio é uma velha mansão como aquelas em que Lewis sempre sonhou viver, com muitos corredores, escadas e quartos, com lareiras de mármore, passagens secretas e uma torre lá no alto. 

Estranhamente, nesta casa há um inquietante tique-taque que ressoa por todo o lado. O que será? Que perigos se escondem dentro das paredes da mansão? Lewis depressa se apercebe de que o tio e a senhora Zimmermann, a vizinha do lado e sua grande amiga, são afinal dois animados feiticeiros. Às vezes, Lewis surpreende-os a discutir coisas que não entende e eles mudam logo de conversa…

O Mistério da Casa do Relógio é uma história que combina aventura e fantasia, com muito sentido de humor e uma capacidade emocionante de mostrar onde reside a verdadeira coragem!

Vi o trailler do filme e fiquei cheia de vontade de ler primeiro o livro. Já está na minha #wishlist!

Novidades Porto Editora

Pai sarilho

Há pais para todos os tamanhos e feitios. Uns são rechonchudos e outros mais magrinhos. Existem pais mais altos e mais baixos. Uns são muito tolos e outros muito sérios. Mas também há os mais caladinhos e os que fazem a festa toda.
E é claro que existem pais bons, como também aqueles que nos metem em sarilhos…
Uma história para ler a toda a velocidade, sobre carros, corridas e mauzões.

Está uma cobra na minha escola!

Um livro hilariante do popular autor de livros infantis de sucesso, David Walliams, brilhantemente ilustrado pelo premiado artista Tony Ross.

AVISO! Este livro contém uma COBRA!

Novidade Orfeu Negro

A Baleia LIVRO + PUZZLE

A partir da célebre história de Benji Davies, eis um novo desafio para os mais pequeninos − um puzzle de cubos, com o qual podem recriar seis ilustrações do livro A Baleia. Neste apetitoso pack, fácil de levar para a praia ou para o jardim, encontram também o livro em formato mini!

Novidades Minutos de Leitura

Octocuecas

Uma história hilariante, repleta de rimas e roupa interior subaquática!

As cuecas perfeitas são difíceis de encontrar, sobretudo para alguém como o Polvo. Mas não haveria de ser impossível… afinal, todos os peixes no mar
pareciam ter umas, menos ele.

Ainda assim, seria mesmo de umas octocuecas, aquilo que o polvo precisava?

Porque não mergulhar nesta história para descobrir?

O que fazer quando a tua casa é um Zoo?

Um livro para os amantes dos animais, GRANDES e pequenos.

O Óscar vai ter um animal de estimação! Mas a escolha é difícil… O Óscar não sabe que animal escolher e coloca um anúncio no jornal à procura de candidatos. O pior é que, surpreendentemente, as candidaturas são mais que muitas e todos decidem aparecer sem esperar pela sua decisão…

E agora a sua casa mais parece um Jardim Zoológico!

O Primeiro Dia da Pequena Coruja

Hoje é um grande dia para a Pequena Coruja: o seu primeiro dia na escola!

A Pequena Coruja tem um grande dia pela frente (o primeiro dia na escola). Mas ela preferia ter um pequeno dia em casa, com a Mamã e a Coruja Bebé, e parece estar muito relutante. 

Mas, na escola, vai construir um castelo de areia e aprender a voar. E, melhor ainda, vai fazer um novo amiguinho. E no fim, vai descobrir que, afinal, os grandes dias também podem ser divertidos!

Dos criadores de O OVO DA PEQUENA CORUJA, surge agora esta divertida e enternecedora história sobre uma adorável coruja. Perfeito para crianças prestes a entrar para a escola ou jardim de infância.


Tuesday, September 25, 2018

A casinha de chocolate / adapt. do conto dos irmãos Grimm

Sinopse:

Vem descobrir a história dos irmãos Hansel e Gretel, e o que se esconde por detrás dos maravilhosos recortes deste livro!

Opinião:

A 20|20 Editora, através da chancela Fábula, está a publicar alguns clássicos da literatura infantil numa  colecção intitulada "Fábulas recortadas". 

A Casinha de Chocolate é uma adaptação do conhecido conto de fadas Hänsel und Gretel, publicado em 1812 na famosa compilação de contos tradicionais dos irmãos Grimm. 

Confesso que não sou muito fã das inúmeras adaptações que tenho encontrado ao longo dos anos, principalmente porque tendem a suavizar a "violência" contida nas histórias, dando origem a narrativas pobres, sem valor estético ou literário, lamentavelmente despidas de sentido.

O forte desta adaptação é a ilustração, muitíssimo bem conseguida. O estilo, as cores sombrias e a técnica de recortes aplicada em determinadas páginas, dá vida ao conto que, embora numa versão bastante resumida, não trata as crianças como palermas que têm de ser escudados de toda a maldade existente no mundo.


Este foi o pretexto ideal para pegar num outro livro que já havia comprado há algum tempo, mas que ainda não tinha tido oportunidade de ler, The original folk and fairy tales of the brothers Grimm: the complete first edition, onde podemos encontrar a versão original dos contos, inteiramente livre de censuras! Li o Hansel and Gretel e lá está, é toda uma outra atmosfera que se cria quando lemos o texto genuíno. Mas deste livro falarei numa outra publicação.

Voltando ao nosso livro infantil, e para terminar, a verdade é esta: o que eu gostaria mesmo era de ver o conto original ilustrado desta forma, mas à falta disso, diria que têm aqui uma boa adaptação.

Recomendo!